RELEASE

VEJA AS OBRAS EXPOSTAS CLICANDO NO NOME DOS ARTISTAS ABAIXO

Marcus Vinicius

Sonia Guggisberg

Exposição 09 de Junho a 03 de Julho de 2004

Abertura   08 de Julho às 20 horas

Visitação Seg a sex das 10 às 19hs  / Sab das 10 às 15hs

Sonia Guggisberg expõe uma série de trabalhos inéditos chamados Bolhas. São estruturas densas robustas e moles. em plástico, ar e água . As peças são suspensas , comprimidas e deformadas por hastes de alumínio maciço. Junto a artista apresenta um painel de desenhos.

Guggisberg iniciou seu trabalho dedicando-se à construção de uma obra que se estrutura a partir de materiais flexíveis de natureza instável. A idéia de deformação e mutabilidade ocorre através da impossibilidade de aceitar uma condição definitiva e uma forma estática em suas obras.
A relação entre materiais vigorosos e a delicadeza das formas moles com estruturas frágeis é o eixo central do trabalho .

No trabalho de Guggisberg o volume se oferece ao olhar como um corpo estruturado em sua forma robusta, em sua densidade matérica, mas ainda vinculado à parede e ao chão. No entanto, ao olhar-se mais profundamente, esses aspectos passam a um plano secundário, diluindo-se para a emergência da intensidade do gesto da artista, que extrai do seu embate com o material, a força e o significado da obra.

A artista iniciou sua carreira na década de 90, participou de mostras coletivas, como o Poéticas Paulistanas , Projeto Macunaíma, Projeto Antártica Artes, com a Folha de São Paulo, Geração 90 , Heranças Contemporâneas , Projeto Galpão15 , Ares e Pensares e Pele Alma. Suas primeiras individuais são no Itaú Galeria, São Paulo, Projeto Macunaíma FUNARTE, Rio de Janeiro. Em 1999 expõe "O Corpo das Dobras" no Centro Cultural dos Correios, no Rio de Janeiro, e Galeria SESC Paulista. Em 2000, fez a exposição "Vidas Suspensas" na Galeria Millan e na Capela do Morumbi. Em 2001 fez uma individual no Museu Metropolitano de Curitiba. e em 2002 na Galeria BaróSena .

Nº de obras : 04
Técnica : Plástico , alumínio , ar e água
Tamanho : 1,80 de diâmetro x 1.00 de altura


No segundo piso MARCUS VINICIUS

"Quadros Horizontais, Quadriculados e Arrimados"

O artista Marcus Vinícius mostra um conjunto de 14 obras.
Nelas, propõe a idéia do quadro como objeto retangular ou quadrado que ligado à parede preserva seus caracteres bidimensionais, cujos elementos podem ser estudados separadamente e repropostos segundo uma ordem arbitrária.

Neste contexto, uma de suas maiores preocupações é estabelecer a unidade objetiva, uma idéia que propõe a construção do espaço da obra de modo que todos os seus elementos (tinta, moldura, papel, pano, vidro, ferragens e módulos) sejam significantes, ou seja, nada nela e acessório, mas contribui para sua compleição.
O trânsito do observador ativa sua percepção do espaço expositivo da galeria através do modo como são organizadas e apresentadas as obras, fundando assim o espaço relacional.

Técnica: acrílica s/ tela montada s/ Madeira ,vidro e parafuso.
Dim. : 0.60m x 0.80m a 2.50m x 2.70m

rua dr. virgilio de carvalho pinto 426 pinheiros - 05415-020 são paulo sp - (5511) 2373-2999