Suiá Ferlauto

obras

currículo

textos
1977 Suiá Burger Ferlauto

Formação
Bacharelado em Artes Visuais
FAAP - Fundação Armando Álvares Penteado, Faculdade de Artes Plásticas, São Paulo.

Exposições Individuais
2017 SUBTERRÂNEO. Galeria Virgílio, São Paulo
2015 DROPS. Warm São Paulo, Sao Paulo
2013 PING PONG | Adalgisa Campos and Suiá Burger Ferlauto. Oficinas Culturais Oswald de Andrade, Sao Paulo
2012 DESPARECER. Viga Espaço Cênico, Sao Paulo
2004 SUIÁ FERLAUTO. Funarte, Sao Paulo
2003 DESENHURAS. Galeria Iberê Camargo, Usina do Gasômetro, Porto Alegre
2002 DESENHURAS. Centro Municipal de Cultura Arte e Lazer ‘Lupicínio Rodrigues’, Porto Alegre
2001 II MOSTRA DO PROGRAMA DE EXPOSIÇÕES 2001. Centro Cultural São Paulo. Sao Paulo

Exposições Coletivas
2016 UM DESASSOSSEGO. Galeria Estação, São Paulo, Brazil
BR 2016. Galeria Virgílio, São Paulo.
2015 NO SOUND. Galeria Milllan, São Paulo.
OUTDOOR I, Warm São Paulo, São Paulo.
2014 BRAZIL: ARBEIT UND FREUNDSCHAFT. PIVÔ, São Paulo.
PRIMEIRA. Warm São Paulo, São Paulo.
2012 100 SOUVENIRS | SP ESTAMPA. Ateliê Ponto, São Paulo.
ARTES E OFICIOS 1 - PARA TODOS. Liceu de Artes e Ofícios, São Paulo.
2010 VIRADA DE SOLOS.TD -Teatro de Dança, São Paulo.
2007 VALONGO. Virada Cultural Paulista. Santos.
2004 BLUMENAU - DOCUMENTAÇÃO POÉTICA. Fundação Alice Seiler. Blumenau.
I SALÃO ABERTO. Casa das Retortas, São Paulo.
2002 ELÉTRICA - DOCUMENTAÇÃO POÉTICA. Paranapiacaba SP
MOSTRA O ATELIÊ. Espaço Coringa, São Paulo SP
2001 COLETIVA DO PROGRAMA DE EXPOSIÇÕES 2001. Centro Cultural São Paulo, São Paulo SP
CULTURA BRASILEIRA1Cultura em trânsito. Casa das Rosas, São Paulo
2000 2000/1, FAAP, São Paulo SP
1ª PEQUENA MOSTRA DO QUE TRABALHO. Ateliê Espaço Coringa, São Paulo
CUPIM NA MORSA. Funarte, São Paulo.
4ª PEQUENA MOSTRA DO QUE TRABALHO. Ateliê Espaço Coringa, São Paulo.
1999 31º SALÃO DE ARTE CONTEMPORÂNEA DE PIRACICABA. Piracicaba
ESPAÇO CORINGA 99. Santos
1998 ESPAÇO CORINGA EM 148 PÉS DE JACA. Santos

Festivais
2014 FESTIVAL INTERNATIONAL DE VIDÉO DANSE DE BOURGOGNE - Le Creusot FR
2013 DANÇA EM FOCO 2013. Festival Internacional de video & dança. Rio de janeiro RJ
MOSTRA NACIONAL DE VIDEODANÇA - XXXVIII Festival de Inverno de Campina Grande PB
FIVU 2013 - Festival Internacional de Videodanza del Uruguay - Montevideo UY


Residências Artísticas
2012 ‘Programa Rede Nacional Funarte Artes Visuais|8ª Edição’.
Projeto PRETO&BRANCO COLORIDO. (Companhia Flutuante). Fortaleza CE
2010 ‘Entre todas as coisas - Eixo Curatorial Dança 2010/2011 Dança Expandida’.
Projeto ENTRETANTO. Centro Cultural São Paulo.
2004 Fundação Alice Seiler. Projeto BLUMENAU - DOCUMENTAÇÃO POÉTICA. Blumenau SC

Video
2016 SUBTERRÂNEO. Colaboração com Eduardo Consonni
2015 SEM TÍTULO (CAVALO). Colaboração com Eduardo Consonni
2013 ARAPUCA. Colaboração com Eduardo Consonni
2012 DESPARECER. Videoinstalação. Colaboração com Eduardo Consonni e Núcleo de Improvisação.
SUSPIRO. Colaboração com Eduardo Consonni
ACROMO-BRANCO. Colaboração com Eduardo Consonni
2010 5x3. Videoinstalação Colaboração com Eduardo Consonni
MONOCROMO-VERMELHO. Colaboração com Eduardo Consonni


Dança e Performance
E s p e t á c u l o s

2016 UMA COISA MUDA, Núcleo EntreTanto, direção de Donizeti Mazonas
ONDE AGORA? QUANDO AGORA?. QUEM AGORA? Núcleo EntreTanto, direção de
Wellington Duarte and Daniel Kairoz.
2014 LÂMINA, with Núcleo Entretanto, direção de Wellington Duarte.
LOST IN SPACESHIT, with E2 cia de dança direção de Eliana Santana.
2013 COISAS QUE SE PODERIA DIZER NO FIM, Núcleo de Improvisação.
2012 DESVIO PARA O CHÃO, Núcleo de Improvisação, direção de Zélia Monteiro.
ENTRETEMPOS NA CENA, com Beth Bastos, Angel Vianna, Zélia Monteiro entre outros.
2010 ACROMO (BRANCO), solo.
2010 ESPETÁCULOS IMPREVISÍVEIS. Núcleo de Improvisação, direção de Zélia Monteiro.
2009 TORSO+OCO, colabração com Wellington Duarte, direção de Donizeti Mazonas.
2009 POR QUE TENHO ESSA FORMA? Núcleo de Improvisação, direção de Zélia Monteiro.
2008 ÁREA DE RISCO, Núcleo de Improvisação, direção de Zélia Monteiro.
2006 EXPERIMENTO CÊNICO, direção de Zélia Monteiro.
2002 HEKURAS, de Tânia Fraga, coreografia de Maida Withers.
2001 MARGENS, direção de Zélia Monteiro

P e r f o r m a n c e s
2014 DISCOTHEQUE. Núcleo Luis Ferron. Mostra ‘modos de existir mod. 4 - solos’. SESC Santo Amaro
2012 PRETO&BRANCO COLORIDO, colaboração com Letícia Sekito (Companhia Flutuante) e Grupo Acidum,
Fortaleza CE
2008 OUTRAS EMERGÊNCIAS, Núcleo de Improvisação. Parte da exposição ‘Emoção Art.ficial 4.0 –
Emergência! |Emergência e Dança’, Instituto Itaú Cultural.
2006 DE OLHOS VENDADOS, de Beth Bastos. Parte da mostra ‘Percepções e Sentidos’, SESC Consolação.
2004 LUZ E SOMBRA, Núcleo de Dança MAM. Parte da exposição ‘Luz e Sombra: Marinellia Pirelli’. MAM - SP
2002 ESCULTURAS HUMANAS, de Beth Bastos. Parte da mostra ‘Ópera Aberta - Celebração’, .Casa das Rosas
2001 O BRASILEIRO É FELIZ PORQUE É SELVAGEM, Espaço Coringa. Mostra ‘Cultura em trânsito’, Casa das Rosas

Cenografia e Direção de Arte
2016 ABISSAL, Insaio Cia. de Arte, direção de Cláudia Palma.
FLOEMA, texto de Hilda Hilst, com Flavia Couto e Mauricio Coronado, direção de Donizeti Mazonas.
2014 LÂMINA, Núcleo Entretanto, direção de Wellington Duarte.
2012 FLUXOS EM PRETO&BRANCO, Companhia Flutuante direção de Letícia Sekito.
2011 FLUTUANTE, Companhia Flutuante direção de Letícia Sekito.
VALSA No6, texto de Nelson Rodrigues, com Cia. de Teatro Portátil, direção de Alexandre Boccanera.
POSSÍVEIS ENCONTROS, de Inez Guerreiro
2010 6 ESTUDOS PARA FLUTUAR, Solo de Zélia Monteiro
2009 DESDOBRAMENTOS. Solo de Gicia Amorim - 13º Cultura Inglesa Festival.
2008 NERVURA. Solo de Gicia Amorim.
CARA PÁLIDA. Solo de Umberto da Silva.
2005 E TUDO MOVIA A MINHA VOLTA... Zélia Monteiro & Cia. [figurinos]
2003 Z1 - A FIGURA E O FUNDO, de Zélia Monteiro e Umberto da Silva.

 
 
by artebr.com